Imprimir esta página

Intercompreensão e cidadania global nos primeiros anos de escolaridade.

Título da dissertação: Intercompreensão e cidadania global nos primeiros anos de escolaridade

Autor: Francisco Parrança da Silva

Natureza do estudo: Relatório de Mestrado em Educação Pré-Escolar e Ensino do 1.º Ciclo do Ensino Básico

Instituição: Universidade de Aveiro

Ano: 2017

Disponível em: http://hdl.handle.net/10773/22830

 

Resumo

Construído com o objetivo de dar a conhecer o projeto de investigação desenvolvido no âmbito da Prática Pedagógica Supervisionada, o presente relatório de estágio conta a história do percurso educativo realizado com uma turma do 2.º ano de escolaridade do 1.º Ciclo do Ensino Básico. Dividida em duas grandes partes, uma de natureza teórico-conceptual, outra relacionada com o desenho metodológico da investigação e análise dos dados recolhidos, a investigação-intervenção desenvolvida pretendia dar resposta à questão: Qual o lugar da Intercompreensão numa Educação para a Cidadania Global de crianças a frequentar o 1.º Ciclo do Ensino Básico? Seguindo os pressupostos de uma investigação-ação, foram desenvolvidas sete sessões ao longo de três semanas, que permitiram recolher um conjunto alargado de dados submetidos à análise de conteúdo. Com os dados recolhidos analisaram-se as representações que as crianças possuíam sobre o Eu, o Outro e o Mundo, em particular a forma como estas se alteraram com o decorrer do projeto – um percurso em Intercompreensão que pretendia educar para a cidadania global. Os resultados obtidos permitem afirmar o lugar da Intercompreensão enquanto finalidade educativa numa educação para a cidadania global, em particular numa fase inicial de sensibilização à diversidade linguística e cultural que carateriza o ser humano, bem como o Mundo. Além disso, a transformação promovida nas representações das crianças sobre o Eu e o Outro permitiu que estas desenvolvessem uma nova visão do seu papel enquanto cidadãs globais em constante convívio e interação com o Outro e o Mundo. Em suma, o projeto de investigação-ação que o presente documento relata, desenvolvido em torno dos conceitos de cidadania global e intercompreensão, permitiu responder a necessidades e exigências não só do percurso pessoal de formação do professor-investigador, como do percurso de desenvolvimento das crianças – são elas a maior riqueza de todo o projeto.

Palavras-chave: Educação; Cidadania Global; Intercompreensão; Investigação-Ação.

 

Abstract

Created with the purpose of presenting the research project developed within the framework of Supervised Pedagogical Practice, this internship-report tells the history of the educational course carried out with a group of students of the 2nd year of primary school. Divided into two major parts, one of a theoretical and conceptual nature, and the other related to the methodological design of the research and analysis of the data collected, the research-intervention developed was intended to answer the question: what’s the place of Intercomprehension in a vision of Education for Global Citizenship of children attending primary school? Following the assumptions of an action-research project, seven sessions were developed over three weeks, which allowed us to collect a broad set of data, which we submitted to content analysis. The collected data analysed the representations that the children had about the Self, the Other and the World, in particular, the way they have changed during the course of the project – a course in Intercomprehension that was intended to educate for Global Citizenship. The results obtained allow us to affirm the place of Intercomprehension as an educational purpose in an Education for Global Citizenship, especially in an initial phase of sensitization to the linguistic and cultural diversity that characterizes the human being, as well as the World. In addition, the transformation promoted in children’s representations of Self and the Other allowed them to develop a new vision of their role as Global Citizens in constant conviviality and interaction with the Other and the World. In sum, the action-research project that the present document reports, developed around the concepts of Global Citizenship and Intercomprehension, allowed us to respond to the needs and demands not only of the personal trajectory of teacher-researcher training, but also the ones in the course of development of the children – they are the greatest richness of the whole project.

Keywords: Education; Global Citizenship, Intercomprehension; Action-Research Project.